Portugal bloqueia venda de mansão de Abramovich, diz jornal Público

United Health pode vender Amil após ter de ficar com planos deficitários

Portugal bloqueia venda de mansão de Abramovich, diz jornal Público

Portugal bloqueou a venda de uma mansão de 10 milhões de euros que pertence ao bilionário russo Roman Abramovich, alvo de sanções, disse o jornal Público neste sábado, sem citar suas fontes.

O registro de propriedade da mansão no resort de luxo Quinta do Lago no Algarve foi congelado –o que significa que não pode ser modificado– em 25 de março, a pedido do ministério das Relações Exteriores, um mês depois da invasão da Ucrânia pela Rússia, afirmou o Público.

Read:  Mbappé acordó extender su contrato con el PSG

O ministério não respondeu imediatamente ao pedido da Reuters por comentário. Um porta-voz de Abramovich não respondeu a ligações telefônicas e mensagens buscando comentários.

Segundo o Público, o ex-dono do Chelsea tentou vender a propriedade 15 dias antes do começo da invasão da Rússia à Ucrânia por meio da Millhouse Views LLC, com sede no Estado norte-americano de Delaware e que pertence a Millhouse LCC, que administra seus ativos.

O maior banco de Portugal, Caixa Geral de Depósitos, notou a movimentação e alertou as autoridades, disse o jornal. O banco se recusou a comentar.